O meu olhar




"O meu olhar é nítido como um girassol
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e a esquerda
E de vez em quando olhando para trás
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto
E eu sei dar por isso muito bem
Sei ter o pasmo essencial que tem uma criança
Se ao nascer reparasse que nasceras deveras"
Alberto Caeeiro



2 comentários

Débora.L disse...

Amei flor..

Tai disse...


Oie flor, vim fazer uma visita no seu blog e já estou adorando, acabei de seguir ^^
Faça uma visita no meu se gostar segue lá, deixarei também a fan page.Obridada
http://tairinecarriom.blogspot.com.br/
Fan Page: Someday- Tairine Carrion
Aproveita e conheça o blog que faço parte http://www.bonecamaquiada.com/
Beijos linda