A Garrafa


Ele abriu a estranha garrafa que veio em sua rede, e o gênio, que há milênios a habitava, finalmente, libertou-se.
“Pode formular seu pedido, Senhor! Estou aqui para realizá-lo”, falou o prodigioso ser .
“Quero a imortalidade” pediu, feliz, o homem.
Imediatamente o gênio colocou-o na minúscula garrafa e, comprimindo bem a rolha, atirou-a ao mar.
(Ludmila)

5 comentários

Green Apple disse...

Bem legal a idéia,Parabéns meninas!!!
seguindo,aprendendo por aki bjos
greenappleartesanatos.blogspot.com.br

Tamy San disse...

gostei! e me fez refletir!¨
http://mylitleworldtcp.blogspot.no/

Diário de Tammy Art's disse...

Amei seu blog lindooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo Bjks e estou retribuindo sua visitinha!
Bjks!

Patrícia disse...

Aprender sempre!!!!!!!
bjs
Paty

Eliza Costa disse...

mto iteressante,bacana!bjnhosss
http://gracinhasemfeltro.blogspot.com.br/