SUSTENTABILIDADE



Entendendo o que siginifica SUSTENTABILIDADE :

Segundo a Wikipédia: “sustentabilidade é um conceito sistêmico; relacionado com a continuidade dos aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana”.
Mas você ainda pode pensar: “E que isso tudo pode significar na prática?”

"Na " prática”, podemos dizer que esse conceito de sustentabilidade representa promover a exploração de áreas ou o uso de recursos planetários (podendo ser naturais ou não) de forma a prejudicar o menos possível o equilíbrio entre o meio ambiente e as comunidades humanas, bem como toda a biosfera que dele dependem para existir. Pode parecer um conceito difícil de ser implementado e, em muitos casos, economicamente inviável. No entanto, não é bem assim. Mesmo nas atividades humanas altamente impactantes no meio ambiente como a mineração; a extração vegetal, a agricultura em larga escala; a fabricação de papel e celulose e todas as outras; a aplicação de práticas sustentáveis nesses empreendimentos; revelou-se economicamente viável e em muitos deles trouxe um fôlego financeiro extra. "

  1. Sustentabilidade social
Práticas de responsabilidade social são um imenso diferencial num mercado em que o consumidor está cada vez mais exigente e consciente. Quando o consumidor opta por comprar produtos de empresas que realizam ações de RSE, está ajudando a construir uma sociedade que alia prosperidade econômica com justiça social. Cada vez mais a responsabilidade social deixa de ser assunto de grandes empresas e passa a fazer parte das estratégias das pequenas e médias. Embora não disponham de muitos recursos, empregam criatividade, pensamento a longo prazo, envolvimento dos funcionários e presença nas comunidades em que atuam.

Um dos termômetros do empenho é a formulação de balanços sociais, também chamados de relatórios de sustentabilidade _peça contábil que serve para medir os resultados sociais e ambientais de uma empresa.  O Prêmio Balanço Social, realizado por cinco entidades ligadas à responsabilidade social e ao mercado de capitais, dedicou uma categoria para balanços de micro, pequenas e médias, que aumentam a cada ano.